Você está aqui: Página Inicial Fantasmagorias da Modernidade: ensaios benjaminianos

Fantasmagorias da Modernidade: ensaios benjaminianos

A obra apresenta uma análise impecável e cuidadosamente estruturada da obra de Walter Benjamin, mais especificamente das Passagens. Para percorrer esse trabalho inacabado do grande filósofo, que veio a ser publicado como um conjunto de reflexões e anotações às quais ele ainda pretendia dar uma forma final, a autora toma como ponto de partida o termo fantasmagorias e suas diferentes manifestações na história social e das culturas.

Noção empregada pelo próprio filósofo em texto que expunha seu projeto de elaboração das Passagens, fantasmagorias é um termo dialético, carregado de ambiguidades e sentidos – em sua origem, utilizado para designar espetáculo ótico em que o passado se apresenta ao presente. Este livro mostra por que fantasmagoria se revela o termo que dá conta de apresentar uma análise da modernidade multidimensional e efêmera, pautada pelo ciclo de produção e consumo de mercadorias.

Autora: Aléxis Bretas

Editora: Editora Unifesp

Área de interesse: filosofia, estética e história da arte

Páginas: 280

Ações do documento